PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
12/05/2018 09h06

Motociclista que morreu em acidente em MS tinha 20 anos e era boxeador

Midiamax


(Foto: reprodução/facebook)

Foi identificado como Jhony Sanches Feitosa, o motociclista que morreu em acidente envolvendo um caminhão caçamba, na tarde de sexta-feira (11), no bairro José Abrão, em Campo Grande. Com a colisão, Jhony foi jogado para baixo do veículo de carga e morreu na hora. Ele tinha 20 anos e seria lutador de boxe.

Segundo informações colhidas no local, o motociclista e o caminhão seguiam pela rua Alberto Lamego e fariam a conversão para a rua Marcelo Roberto. Informações preliminares são de que o motociclista teria sido fechado pelo caminhão e acabou caindo embaixo do veículo de carga.

Depois do acidente, o motorista do caminhão chegou a passar mal. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros, pois teria problemas cardíacos.

Os moradores da região alegam que, possivelmente, os veículos faziam o percurso por dentro do bairro para evitar passar pela avenida Doutor Euler de Azevedo, apontada como problemática, após a instalação de muretas durante as obras de duplicação.

Problemas

Durante toda a manhã desta sexta-feira, moradores, comerciantes e lideranças comunitárias se reuniram para discutir o trânsito nos bairros da região. Eles alegam as muretas da avenida Euler de Azevedo dificultam a visualização dos motoristas nos cruzamentos e que também é perigoso para pedestres que atravessam a rua.

Em um mês, duas pessoas morreram em acidentes na avenida, conforme os moradores, e agora, uma terceira perdeu a vida nas ruas da região. A duplicação foi apelidada da “obra da morte”.




NENHUM COMENTÁRIO



escrever comentário




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE