PUBLICIDADE

Músico é assassinado com tiro na cabeça em Três Lagoas

| DAYENE PAZ / CAMPO GRANDE NEWS


Músico Eli, que foi morto com tiro na cabeça. (Foto: Divulgação)

Eli Álvaro da Silva Resende, de 41 anos, foi assassinado com tiro na cabeça, na madrugada deste domingo (19), na Vila Haro, em Três Lagoas. A ex-companheira dele foi vista chegando no local de moto e é suspeita de efetuar o tiro.

Uma testemunha contou para a polícia que ouviu discussão entre um homem e uma mulher. "Você está me traindo, seu corno", disse a mulher durante a briga. Na sequência, foi feito um disparo de arma de fogo e, após poucos segundos de silêncio, a suspeita deixou o imóvel em uma motocicleta.

Um vizinho subiu no muro para verificar o que havia ocorrido, quando viu a vítima caída na área do fundo da casa, ferida por tiro na cabeça. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram chamados, mas Eli morreu no local.

A atual namorada da vítima publicou um texto no Facebook, lamentando a morte de Eli. "Você foi meu dia de sol mais bonito, você me salvou de todas as formas que alguém poderia ser salva. Eu lembro de todas nossas conversas de você me falando o quanto estava feliz comigo e com a nossa família, lembro do seu sorriso, do seu olhar dengoso, do seu cheiro, de quando você me abraçava me dizendo que me ama! Você foi a melhor coisa que orisa colocou em minha vida! Vou te amar pra sempre meu amor".

(Com informações do JP News, por Alfredo Neto) 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE