PUBLICIDADE

Atividade industrial registra aumento de 2.63% em Mato Grosso do Sul

A pesquisa feita pela Fiems também revela quais foram os municípios que registraram saldo positivo de contratação entre os meses de janeiro a março

| JéSSICA FERNANDES/CAMPO GRANDE NEWS


Funcionária trabalhando na produção de alimentos em fábrica. (Foto: Divulgação/Fiems)

Em março, a atividade industrial registrou aumento de 2.63% no Estado em comparação ao ano passado. O levantamento do Radar Industrial da Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul) também aponta que neste ano 9.106 contratações foram realizadas no mesmo mês, que fechou com 620 vagas de emprego.

No acumulado de janeiro a março de 2024, a indústria abriu 4.094 vagas, resultantes de 27.705 contratações e 23.611 demissões. Com o índice, o segmento industrial alcança participação de 28% de participação no total de vagas abertas em Mato Grosso do Sul.

O economista-chefe da Fiems, Ezequiel Resende fala que as contratações realizadas em março superam o número do ano passado. “O conjunto das atividades industriais em Mato Grosso do Sul encerrou março de 2024 com o total de 159.920 trabalhadores empregados, indicando, até aqui, um aumento de 2,63% em relação ao fechamento do ano anterior, quando o contingente ficou em 155.826 funcionários", diz.

Conforme o Radar Industrial da Fiems, as atividades industriais que mais tiveram oportunidades de trabalho no mês de março foram: fabricação de álcool (+395), abate de suínos (+122) e abate de aves (+108).

Já as atividades industriais que mais abriram vagas no acumulado de janeiro a março foram: Fabricação de álcool (+627), Obras de infraestrutura (+610), Instalações e serviços especializados de construção (+542), Construção de edifícios (+392), Abate de aves (+180), Fabricação de açúcar (+150), Extração de minério de ferro (+133), Abate de bovinos (+129), Curtimento e outras preparações de couro (+92), Abate de suínos (+90), Fabricação de artefatos têxteis para uso doméstico (+82).

A pesquisa feita pela Fiems também revela quais foram os municípios que registraram saldo positivo de contratação entre os meses de janeiro a março. Campo Grande ficou em primeiro lugar com 1.291 e na sequência: Nova Andradina (+401), Dourados (+367), Corumbá (+272), Três Lagoas (+255), Itaquiraí (+157), Rio Brilhante (+134), Paranaíba (+128), Sidrolândia (+122), Angélica (+114), Fátima do Sul (+106), Ponta Porã (+102) e Naviraí (+96).

Em contrapartida, 28 municípios registraram saldo negativo, sendo os destaques Chapadão do Sul (-77), Batayporã (-60), Caarapó (-32) e Inocência (-31). 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE