PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
16/02/2018 14h26

Délia promete buscar recursos para recuperar toda a malha asfáltica

Dourados News


Prefeita Délia e secretários recepcionaram líderes comunitários na manhã desta sexta-feira

"O ano de 2017 foi de muito trabalho e grandes desafios e exigiu de nós esforço redobrado para colocar a casa em ordem. Apesar de tudo, conseguimos encaminhar muitas coisas boas, algumas com o esforço voluntário de cada agente da administração, outras com as indispensáveis parcerias que conseguimos ao longo do ano". A afirmação é da prefeita Délia Razuk, que recebeu na manhã desta sexta-feira lideranças de aproximadamente 40 bairros de Dourados.

Após discorrer sobre as principais realizações da administração em 2017, inclusive por meio da exibição de vídeo, a prefeita anunciou que vai, neste ano, buscar recursos federais para recuperar toda a malha asfáltica de Dourados. "O nosso asfalto é antigo e está bastante deteriorado; só o reperfilamento vai resolver esse problema. O reperfilamento depende de dinheiro e nós vamos atrás desses recursos para dar qualidade para nosso asfalto", anunciou.

A prefeita fez questão de mostrar para as lideranças comunitárias as emendas que deputados e senadores destinaram para Dourados e que serão aplicados em obras ainda neste ano. "As parcerias são importantes, os recursos que nossos parlamentares arrumam são muito importantes, mas também é importante que as pessoas, lá dos bairros, saibam quem trabalha e nos ajuda a trabalhar", falou, antes de citar nominalmente os senadores Pedro Chaves, Waldemir Moka e Simone Tebet e os deputados federais Henrique Mandetta, Elizeu Dionizio, Geraldo Resende e Carlos Marun (hoje ministro da Secretaria de Governo). Juntos, eles estão destinando aproximadamente R$ 10 milhões para obras de infraestrutura urbana (drenagem, asfalto, sinalização, etc.) e reforma de prédios, além de investimentos na área de saúde, na ordem de R$ 3,3 milhões.

Délia também citou o deputado estadual Zé Teixeira, que tem intermediado obras que o Governo do Estado realiza em Dourados. "São obras fruto de parcerias bem-sucedidas e estão acontecendo porque a administração municipal foi atrás, mostrou ao governo a necessidade e pode contar com a sensibilidade do Governo", comentou, citando também a Câmara de Vereadores como parceira nas realizações.

A prefeita ainda convocou as associações de moradores para que contribuam com sugestões e apresentem as demandas, para que "na medida do possível a prefeitura possa atender cada pedido". E fez de público, convite para que os sindicatos, inclusive o dos trabalhadores em Educação, sejam parceiros. "Eu preciso da parceria de todos, quero ter o Sindicato participando da administração, nos ajudando com suas ideias e experiências, para o bem coletivo", conclamou.

A chefe do executivo municipal afirmou que manterá a gestão firme para garantir o futuro administrativo. "Ao assumirmos fomos surpreendidos com um impacto muito forte na folha salarial dos servidores, o que nos levou a tomar medidas que não gostaríamos de ter que tomar, como o escalonamento de salários. Mas, com alguns cortes e a contenção rigorosa de gastos, estamos buscando o equilíbrio e as dificuldades vão ficando para trás", disse, concluindo que a administração não pensa em momento algum em criar novos impostos. "Por mais dificuldades que passamos ou tenhamos que passar, não vamos jamais criar mais impostos para a população pagar. Vamos sim, trabalhar para melhorar a arrecadação do município, mas sem penalizar o contribuinte", garantiu a prefeita.

Também participaram da reunião com os líderes comunitários, os vereadores Sergio Nogueira, Cido Medeiros, Olavo Sul, Junior Rodrigues e a presidente da Câmara, Daniela Hall, além de secretários municipais.





PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE