PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
10/11/2017 14h18

Usina demite 500 funcionários com suspensão de atividades industriais

Campo Grande News


Cerca de 500 funcionários da Biosev em Maracaju foram demitidos depois que a empresa decidiu suspender as atividades industriais naquele município, localizado a 160 quilômetros de Campo Grande. O montante representa 60% dos trabalhadores da companhia, segundo informações passadas pela assessoria de imprensa.

Os 40% restantes continuam contratados, já que as atividades agrícolas foram mantidas. Toda a cana-de-açúcar colhida no local será encaminhada às usinas Passatempo e Rio Brilhante para ser processada.

A Biosev informou que todos os trabalhadores dispensados terão preservados todos os direitos trabalhistas, em estrita observância à lei. Além disso, a direção da empresa estuda com o sindicato da categoria formas de minimizar os impactos das rescisões. Além disso, está mantendo contato com organizações locais, associações e empresas para tentar recolocá-los no mercado de trabalho.

 

Representantes da usina também conversaram com o prefeito de Maracaju, Maurílio Ferreira Azambuja, para explicar os motivos que levaram à tomada de decisão.

A suspensão, segundo a Biosev, contribui para otimizar capacidade das usinas Passa Tempo e Rio Brilhante, capturar sinergia operacional e logística no Estado para reduzir seu custo de produção e melhorar performance, trazendo ainda mais resiliência para a geração de caixa, de forma a manter sua competitividade.

O Campo Grande News tentou contato com o sindicato da categoria e com o prefeito de Maracaju, mas ninguém atendeu às ligações.



                    


NENHUM COMENTÁRIO



escrever comentário




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • Tupy30
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE
  • Tigre32