PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
13/02/2017 13h42

A barragem que ameaça romper nos EUA e levou à retirada de 130 mil pessoas de suas casas

BBC Brasil


[1 / 1] - © AP Água flui da barragem de Lago Oroville, na Califórnia

  Uma situação inédita e preocupante. 

 

 

Foi assim que as autoridades classificaram o risco de desabamento da barragem de emergência da represa de Oroville, no norte da Califórnia (Estados Unidos).

Por causa disso, as pessoas que moram nas proximidades receberam a ordem de abandonar a área imediatamente.

Depois de anos de seca severa, o nível de água do reservatório aumentou substancialmente nos últimos dias, devido às fortes chuvas e à neve.

Trata-se da primeira vez que o Lago Oroville passa por uma situação de emergência nos quase 50 anos de história da represa.

O Departamento de Recursos Hídricos da Califórnia informou no domingo que estava liberando até 2.380 metros cúbicos de água por segundo da barragem principal para tentar drenar o lago.

Segundo o órgão, o nível caiu, diminuindo a pressão sobre a estrutura.

Em um comunicado publicado nas redes sociais, o xerife da zona ao redor da represa do Lago Oroville, na Califórnia, ordenou que os moradores abandonassem o local e reiterou não se tratar de uma simulação.

Na última quinta-feira, engenheiros começaram a drenar a água da represa depois de verificar grandes buracos no concreto de uma das barragens.

Moradores de Oroville, uma cidade de 16 mil habitantes a 105 quilômetros ao norte de Sacramento, foram orientados a deslocar-se para o norte.

Outras cidades afetadas devem seguir as ordens da polícia local, disseram as autoridades.

Na sexta-feira, o governador da Califórnia, Jerry Brown, pediu à Agência Federal para a Administração de Emergências que declarasse estado de emergência devido às inundações e aos deslizamentos de terra provocados pelas chuvas.




NENHUM COMENTÁRIO



escrever comentário




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • Tupy30
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE
  • Tigre32