PUBLICIDADE
  • fenix19

Caarapó News - O número 1 de Caarapó - MS

  • 34ºMAX

    18ºMIN



06/04/2014 17h42

Santos perde pênalti, e Ituano vence 1ª final no Pacaembu

terra


A ande zebra do Campeonato Paulista não se acanhou neste domingo e saiu em vantagem na final contra o Santos. No Estádio do Pacaembu, o Ituano encarou o rival de igual para igual e conseguiu a vitória por 1 a 0, conquistando o direito de jogar por um empate na próxima semana para se sagrar campeão estadual. O time praiano ainda desperdiçou um pênalti, com Cícero. 

 

A decisão em campo neutro começou bastante morna, até uma boa jogada pela direita do ataque interiorano inaugurar o marcador do Pacaembu aos 20min do primeiro tempo. De De calcanhar, Esquerdinha fez bom passe de primeira para Cristian, que apareceu sozinho na área. O camisa 10 teve tempo de dominar antes de chutar cruzado, fora do alcance de Aranha.
 

Apesar de não ter melhorado de maneira notória depois de sofrer o gol de Cristian, o Santos teve uma ótima chance para igualar o marcador ainda no primeiro tempo. Em lance polêmico aos 35min, a bola bateu no braço de Josa dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. Cícero cobrou, mas exagerou na força e mandou por cima da meta defendida por Vagner.

 

A primeira partida da final do Paulista ficou tensa na ida das equipes para os vestiários no intervalo: jogadores de Ituano e Santos se estranharam depois de o árbitro Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral apitar o final do primeiro tempo. Acalmados os ânimos e iniciada a segunda etapa, o time rubro-negro continuou bem postado em campo e quase aumentou aos 10min: Cristian chutou cruzado em direção à pequena área e Dener triscou a sola da chuteira, quase colocando para dentro.

 

Oswaldo de Oliveira atendeu a um pedido da torcida santista aos 13min e trocou Gabriel por Rildo. No entanto, quem quase marcou foi o Ituano: Rafael Silva recebeu sozinho na área e exagerou no individualismo ao tentar um chute rasteiro de primeira, em cima de Aranha – Esquerdinha estava ao seu lado, em melhor condição.

 

O Santos passou a pressionar o rival nos minutos decisivos da partida, mas a melhor oportunidade de gol foi uma cabeçada de Leandro Damião - o centroavante finalizou em cima do goleiro Vagner, que exagerou nos movimentos para executar a defesa e espalmar para escanteio. 

 

A decisão do Campeonato Paulista será realizada no próximo domingo, novamente no Estádio do Pacaembu, às 16h (de Brasília). Apesar de ter feito melhor campanha na primeira fase, o Santos precisa vencer por dois gols de diferença para se sagrar campeão - triunfo por um gol de diferença força a disputa de pênaltis. 

0 COMENTÁRIOS





comentar
PUBLICIDADE
  • unigran orlando4
  • capitao hotal22
  • Tupy30
  • Tigre32